Ivan Lins e o tributo ao Poeta da Vila

Patrícia Canuto -


Capa do CD "Viva Noel" volume 1

São inúmeros os artistas que regravaram as composições de Noel Rosa. Sendo sambista, cantor, compositor, instrumentista e um grande boêmio, Noel se consagrou como um dos maiores nomes da música brasileira. Esses atributos não passaram despercebidos a nomes como Chico Buarque, Caetano Veloso, Emílio Santiago, Nana Caymmi, Leila Pinheiro, Zeca Pagodinho, entre outros, que fizeram questão de dar nova cara à algumas das mais de 300 composições do poeta de Vila Isabel.

Um dos grandes admiradores da obra de Noel é Ivan Lins, compositor e pianista conhecido por sucessos como Madalena, “O Amor é o meu País” e “Aos Nossos Filhos”. Em 1997, lançou “Viva Noel – Tributo a Noel Rosa”, CD triplo que abrange as obras mais atemporais de Noel. Segundo o próprio Ivan, "o lançamento fora uma tentativa de tornar contemporânea a obra do artista", como comprovam as faixas "As Pastorinhas", "Onde Está a Honestidade?" e "Com que Roupa?", alguns dos destaques do material.

Assim como diversos músicos e compositores brasileiros, Ivan Lins cresceu ouvindo Noel Rosa e suas canções cedidas a intérpretes como Mário Reis e Aracy de Almeida. A homenagem a Noel ainda o enche de satisfação. E foi antes de começar um show, na Lona Cultural Gilberto Gil, no Rio de Janeiro, que Ivan Lins nos recebeu para comentar a relevância da obra de Noel na música popular brasileira e em sua vida.

Assista ao vídeo da entrevista:

Parte 1 - 6'14''



Parte 2 - 4'59''


Onde encontrar o box com os CDs:

http://www.submarino.com.br/produto/2/1979085/cd+ivan+lins:+canta+noel+rosa-+box+3+cds



Produção: Daniel Cunha e Felipe Ribeiro

Noel Rosa

Noel Rosa foi um marco na música popular brasileira. Um dos responsáveis pelo samba moderno e por ter trazido o samba as rádios, além de aproximar o samba do morro com o asfalto. Suas letras são atuais até hoje, assim como os textos de Shakespeare, pois tratam de temas inerentes ao ser humano. Apesar disso, o cantor, compositor, bandolinista, violonista ainda é pouco conhecido pela grande maioria das pessoas. Mesmo tendo vivido apenas 26 anos, o suficiente para deixar seu nome entre os maiores do samba carioca, Noel deixou mais de 200 composições gravadas. Entre elas inúmeros clássicos indiscutíveis como "Palpite Infeliz", "Feitiço da Vila", "Conversa de Botequim", "Último Desejo", "Silêncio de um Minuto", "Pastorinhas" e "Com Que Roupa?". Em 2010, se estivesse vivo, Noel Rosa completaria 100 anos. Para comemorar esta data decidimos fazer este blog em sua homenagem.

Enfeitiçados...

BannerFans.com

Feitiço do Noel no seu Site!

Quer colocar o Banner do Feitiço do Noel, igual ao acima, no seu Blog?
Copie o código e cole em uma nova caixinha de HTML-JavaScript, e pronto, um Banner que linka você direto com o Feitiço do Noel!

 
▲ TOPO ▲